UFSC Joinville volta de competição nacional satisfeita com o resultado

Contando com o patrocínio de empresas catarinenses – como Tuper, ArcelorMittal Vega e Termotécnica – para o desenvolvimento de um veículo, alunos estão orgulhosos de seu desempenho na Fórmula SAE

Para a equipe Fórmula CEM, formada por estudantes do curso de Engenharia Automotiva da UFSC Joinville, 2016 já começou. Recém-chegados da competição nacional Fórmula SAE – realizada no início de outubro em Piracicaba (SP) –, os estudantes não terão descanso. Nas próximas semanas, o carro que eles fabricaram será exposto em eventos regionais e nas empresas patrocinadoras do projeto. Em seguida, os alunos iniciam o trabalho de aprimoramento, ajustes e testes para as provas do próximo ano.

No dia 8 de outubro, na UFSC Joinville, a equipe apresentou o veículo à comunidade, patrocinadores, estudantes, familiares e autoridades acadêmicas. Presente no evento, a Reitora Professora Rosilaine Neckel reafirmou a importância da parceria entre a universidade pública e outras instituições de ensino, como a IFSC-Joinville, Senai Itajaí e Senai Joinville, e outras entidades do setor produtivo. Na oportunidade, a equipe Fórmula CEM falou sobre o desempenho nas provas e os planos para o futuro. “Esta foi a terceira vez que participamos da competição e nossa classificação melhora ano a ano. Estamos muito felizes e agradecemos imensamente a todos que acreditaram no potencial da equipe e investiram no projeto”, diz o estudante Marco Antônio Rosso, capitão da Fórmula CEM.

TUPER
Equipe Fórmula CEM, destaque na competição nacional Fórmula SAE

Com a meta de ficar entre os dez primeiros colocados até 2017, os futuros engenheiros acreditam que seja possível conquistar este patamar já no ano que vem. Neste ano, em função de problemas técnicos no motor, a equipe não conseguiu completar todas as provas, mas voltou satisfeita com o resultado. “Na maioria das provas em que conseguimos participar, ficamos entre os dez melhores do país e recebemos excelentes feedbacks dos juízes. Agora, estamos focados nas melhorias que poderão ser feitas para a próxima competição”, diz Marco.

Nas provas estáticas, a equipe ficou em 8º lugar no quesito Relatório Escrito, assim como em Custos e Manufaturas, sendo 4º lugar na subcategoria Custos e 10º em Facilidade para a Manufatura. No quesito Design, os alunos conquistaram a nona colocação, sendo o quarto lugar na subcategoria Gestão de Projetos, 6º lugar em Chassi e 10º em Suspensão. Enfrentando outras 38 equipes na categoria veículo a combustão, a equipe Fórmula CEM, da UFSC Joinville, conquistou o 19º lugar na classificação geral.

 

O principal mérito, explica o professor Modesto Hurtado Ferrer, coordenador do projeto, foi a utilização de materiais e sistemas inovadores que são tendência no setor automotivo. “Além do design diferenciado e dos cuidados com a ergonomia, o conforto, a segurança e a sustentabilidade, contamos com tecnologia de ponta graças ao apoio de empresas que são referência em seus segmentos. Fomos a primeira equipe do país inscrita na Fórmula SAE a usar aço Dual Phase 980 para a fabricação do chassi e conseguimos reduzir em 40% o peso do veículo utilizando materiais de vanguarda”, revela Modesto.

Para viabilizar o projeto, a equipe contou com o apoio de empresas como a Tuper, fabricante dos escapamentos e dos tubos para a montagem do chassi;  ArcelorMittal Vega, fornecedora do aço Dual Phase 980 de alta resistência mecânica; Termotécnica, responsável pelo molde em EPS para a laminação da carenagem, desenvolvimento do assento do piloto e usinagem de elementos mecânicos; a FastParts, que fez a carenagem e auxiliou em elementos aerodinâmicos do veículo; Yokohama (pneus); Tire Shop (rodas); Indek (aços, ligas de alumínio e cobre eletrolítico); Fiesc/Senai (serviços especializados de soldagem do chassi, braços de suspensão e pedal box e usinagem de elementos); Ciser (repasse financeiro e soluções em fixadores) e Apolo Trailer, que cedeu uma carreta fechada e estilizada para o transporte do veículo até o local da competição, entre outras empresas locais.

Fonte: Assessoria de Imprensa EDM LOGOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »