John Deere comemora uma década de produção de tratores em Montenegro (RS)

Unidade do RS é uma das mais modernas do mundo e exemplo dos investimentos contínuos da empresa em prol dos agricultores

Agosto, 2017 – A John Deere comemorou na quarta-feira (2/8), o aniversário de dez anos do início da produção dos seus tratores em Montenegro (RS), um momento histórico para a estratégia de atuação da empresa no País. Para a cerimônia, a fábrica recebe líderes globais da companhia, funcionários e autoridades da região. No evento, o CEO da Deere, Samuel R. Allen, e o presidente da John Deere Brasil, Paulo Herrmann, concedem uma chave de ouro ao empresário e cliente Raul Randon, das Empresas Randon, em celebração aos 100 mil tratores produzidos na unidade.

Fábrica de Tratores da John Deere em Montenegro – 10 anos. Créditos: Divulgação

A história da fábrica de Montenegro começa em 2007, quando deu início à produção de oito modelos de tratores. Atualmente, no local já são produzidos 26 modelos, um portfólio completo para atender as necessidades dos agricultores de todos os perfis e tamanhos, independentemente das culturas. O crescimento do portfólio seguiu as boas perspectivas agrícolas nacionais, principalmente pelas sucessivas safras recordes da última década. A título de comparação, em 2007, segundo o IBGE, a safra agrícola era de 133,2 milhões de toneladas, recorde de então. Uma década depois, o número da colheita está em 240,3 milhões de toneladas de grãos, um crescimento de 80%.

A unidade de Montenegro é uma das mais modernas instalações industriais agrícolas do mundo. Produz tratores com motor de diferentes faixas de potência, de 55 a 400 cavalos. Os tratores utilitários da Série 5E possuem a característica da versatilidade, voltados para trabalhos específicos em pequenas propriedades, como cultivo de hortaliças, frutas e criação de gado, e que podem ser adquiridos via financiamento Mais Alimentos, programa do governo federal que visa fortalecer a agricultura familiar. Já as Séries 6 e 6J, de tamanho médio, são concebidas para agricultores que buscam durabilidade e flexibilidade, aliadas ao desempenho produtivo dos equipamentos. Por fim, os tratores de alta potência das Séries 7J (200cv até 230cv) e 8R (270cv até 400cv) possuem a robustez e as tecnologias necessárias para operar nas condições mais exigentes de trabalho das grandes propriedades, atendendo culturas como grãos, cana-de-açúcar e algodão.

Trator de alta potência da Série 8R produzido no RS. Créditos: Divulgação

“Estes tratores representam a última geração em inovação e tecnologia, incorporando os recursos para agricultura de precisão, monitoramento de performance, desempenho e conectividade. A tecnologia vai ao encontro da necessidade dos agricultores em fornecer alimentos em larga escala e de forma sustentável, para alimentar a crescente população mundial”, diz Paulo Rohde, gerente geral da fábrica.

A construção da fábrica exigiu investimentos iniciais da ordem de US$ 250 milhões. Pouco tempo depois, em 2015, foram mais US$ 40 milhões para ampliar as instalações e nacionalizar a produção dos tratores de grande porte 8R, os únicos fabricados pela companhia fora dos Estados Unidos. Em uma área de 77 mil m², a unidade fica estrategicamente localizada no Vale do Caí, a cerca de 50 quilômetros de Porto Alegre. Emprega mais de 900 funcionários diretos e cerca de 100 indiretos. E tem grande relevância para as estratégias globais da companhia, pois, desta fábrica, são exportados equipamentos para toda a América do Sul e alguns países da África.

Além de Montenegro, a John Deere fabrica colheitadeiras de grãos e plantadeiras em Horizontina, também no Rio Grande do Sul; colhedoras de cana-de-açúcar e pulverizadores em Catalão (GO); e máquinas de construção em duas unidades em Indaiatuba (SP), cidade onde também está localizada a sede latino-americana e o Banco John Deere. Em Campinas (SP), a John Deere conta com o Centro de Distribuição de Peças América do Sul, o Centro de Treinamento e o recém-inaugurado Centro de Agricultura de Precisão e Inovação.

Acesse:  www.JohnDeere.com.br ou  www.JohnDeere.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »